Uniao Campo Cidade e Floresta

enviado pelo Conselho da Aty Guasu

 Nós comunidades Guarani-Kaiowá de Tekoha Guaiviry em que foi morto líder Nisio Gomes no dia 18/11/2012, por meio desta carta, vimos denunciar às autoridades federais (MPF, PF, FUNAI, etc) que desde começo do mês de setembro de 2012, aqui em nossas habitações começaram a chegar com frequência os funcionários/pistoleiros das fazendas e os arrendatários, trazendo a ameaça para nós. No dia 02/09/2012, às 13:00 h, dois homens chegaram de carro às nossas casas e passaram a observar a nossa pequena lavoura em que plantamos mandioca e batata-doce. Ao observar a nossa pequena roça, um deles perguntou: “ o que vocês estão plantando aqui? Respondemos: “ plantamos rama de mandioca e batata-doce, só nesse pedacinho plantamos.”, Diante de nossa resposta, ele falou de modo nervoso: “ aqui vocês não podem plantar nada não!”, “logo nós vamos passas veneno aqui”. Assim, confirmou que eles vão…

Ver o post original 259 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s